18/09/2017 Descubra - 4ª edição A A A |

Descubra UFSM: o auxílio aos alunos na escolha da profissão

A 4ª edição do Descubra contou com a presença de aproximadamente 26 mil estudantes no Centro de Eventos. Entre quinta (14) e sábado (16), o evento recebeu 284 ônibus de excursões e 260 escolas de ensino médio e educação básica.

As intervenções dos acadêmicos de dança, os momentos de descontração na Vibe Descubra, além da interação promovida nos estandes dos cursos, estimularam os estudantes a descobrir as suas futuras profissões. A Rua das Artes, organizada pelos alunos dos cursos de Artes Cênicas, Artes visuais, Dança, Música, Letras e Desenho Industrial, esteve localizada ao lado de fora do pavilhão e ofereceu oficinas e workshops ao público presente. Para atrair os alunos que passavam no local, a acadêmica do 4º semestre do Desenho Industrial, Danielly Pivoto, distribuiu panfletos com informações sobre o curso e ministrou oficinas sobre tipografia. O graduando Leopoldo Engroff, do 3º semestre do curso, relata que o Desenho Industrial é pouco conhecido pelos estudantes por não ser utilizado o termo designer. “A gente tenta explicar porque o curso é tão atrativo, diferentemente das outras universidades”, conta.

Os projetos expostos na Rua das Artes também ilustraram algumas atividades encontradas no curso de Artes Visuais. As mostras de esculturas de mestrandos e desenhos realizados pelos acadêmicos dos primeiros semestres do curso, visaram apresentar as variadas áreas que os alunos podem explorar nas artes visuais. A acadêmica Adrieli Müller, 7º semestre do curso, conta que os estudantes relataram dúvidas e ideias pré-concebidas sobre a área de atuação. “A gente explica que, além do desenho, têm vários ateliês para desenvolver a pesquisa. Têm ateliês em escultura e cerâmica, que envolvem outras técnicas que não só o desenho”, afirma.

A professora de Ângela Lena, que leciona Educação Física na Escola Estadual de Educação Básica Augusto Ruschi de Santa Maria, conduziu os alunos ao Descubra para que eles pudessem se informar sobre os cursos oferecidos pela UFSM e ampliar os conhecimentos sobre o campo de atuação. Conforme comenta a professora, embora muitos alunos residam em Santa Maria, eles desconhecem o que existe na UFSM. “Todos os anos eu trago os alunos, pois acredito que só há um jeito: é chegando perto para conhecer”, relata.

Oportunidades oferecidas pela UFSM

O estande do curso Técnico em Alimentos despertou a curiosidade dos alunos. “Eles ficam bem interessados. Eles saem daqui bastante encantados com os produtos que a gente faz nas aulas”, conta a estudante Elizabete, que mostrou ao público os itens expostos no estande.

A procura pelos cursos técnicos ocorre, em grande parte, devido à oportunidade que os acadêmicos possuem de pôr em prática a teoria aprendida em sala de aula. Além disso, o técnico em Alimentos desenvolve novas produções. “Em alguns produtos, o alunos querem saber como é a formulação, como é possível dessecar uma banana ou como é possível fazer uma geleia de rosas ou de cebola”, relata a aluna Andressa Cezar.

As dúvidas sobre as oportunidades de emprego vislumbradas no mercado de trabalho são os principais questionamentos feitos pelos alunos. Na área das exatas, as indagações sobre o nível de dificuldade dos cálculos ao longo do curso também foram frequentes, conforme comentam as acadêmicas Caroline Obregon e Jucele Oliveira, respectivamente, do 8º e do 9º semestre da Engenharia Elétrica. Para que os alunos obtivessem um conhecimento sobre a engenharia, as graduandas promoveram interações com os estudantes sobre as áreas encontradas no curso, como o princípio eletromecânico e uma maquete com painel solar.

Os estandes dos cursos dos campi Frederico Westphalen, Cachoeira do Sul e Palmeira das Missões também estiveram presentes na 4ª edição do Descubra e atraíram os estudantes com graduações que não são encontrados no campus sede. É o caso da aluna Josiara, do Colégio Estadual São Patrício, de Itaqui, que confirmou a escolha pelo curso de Nutrição, oferecido em Palmeira das Missões.

Já os estudantes Mileny e Victor, 8º ano do Instituto Sinodal da Paz, de Santa Rosa, antes da visita aos estandes já tinham convicção de qual profissão exercer. Mileny almeja uma vaga em Medicina, enquanto Victor quer fazer Odontologia. Apesar da certeza nas escolhas, ambos pretendiam conhecer todos os estandes para se inteirar sobre os demais cursos da UFSM.

Texto: Gabrielle Ineu Coradini, acadêmica de Jornalismo e bolsista da Agência de Notícias


























Voltar

COPERVES
(55) 3220-8170 | (55) 3220-8383